top of page

Bem-vindo ao blog da Plataforma Engo

Aqui você vai encontrar os mais diversos posts voltados para o ramo da construção civil!

Novidades e inovações na construção civil

Dicas de técnicas de trabalho

Materiais de estudo para concursos

e muito mais...

Design sem nome (7).png
Design sem nome (8).png

Fonologia - O que estudar para concursos públicos



+ Faça o curso de REVIT PARA ARQUITETOS 7.1 por $197. Clique aqui

+ Faça o curso de REVIT PARA ENGENHEIROS 5.0 por $197. Clique aqui



Assunto sempre presente em qualquer prova, e base para os demais conteúdos, tais como a acentuação gráfica, que, direta ou indiretamente, será cobrado de você!


Estudar Fonologia é estudar os FONEMAS, que nada mais são do que os SONS que formam nossas palavras. Basicamente, consiste em diagnosticar numa palavra quantas são suas letras e quantos são seus fonemas.


Para começar o nosso estudo, quero que você entenda o que são dígrafos e encontros consonantais, pois estes, estão diretamente ligado ao estudo dos fonemas


 

Dígrafos


O DÍGRAFO ocorre quando 2(DUAS) LETRAS equivalem a apenas 1(UM) FONEMA, (lembre-se do radical da palavra "di"). Bom, então, tenha em mente que dois valem por um



Dígrafos consonantais- Encontro de duas consoantes que geram um único som.



  • Lembre-se que os dígrafos CH, LH,NH,RR, SS são sempre dígrafos

  • SC,XC,GU,QU tem que confirmar se é mesmo um dígrafo.


Como assim????????


Cuidado gente, na escola primária, fazia-nos decorar os dígrafos com um todo e o examinadores de banca de concursos sabem disso, ok


Vejamos os seguintes pares de palavrinhas:

  • eSCada x deSCer

  • eXCursão x eXCeção

Note que, em “eSCada”, você pronuncia as duas letras SC (= /k//s/).Já na palavra “deSCer”, você pronuncia apenas o som /s/. Assim, há dígrafo somente em “deSCer”, pois nela há duas letras correspondendo a um único som. Já em “eSCada”, não há dígrafos, e sim um encontro consonantal, ou seja, o encontro de dois SONS (eu disse SONS) consonantais lado a lado.


em “eXCursão”, você pronuncia as duas letras XC (= /s//k/). Já na palavra “eXCeção”, você pronuncia apenas o som /s/. Assim, há dígrafo somente em “eXCeção”, pois nela há duas letras correspondendo a um único som. Já em “eXCursão”, não há dígrafos, e sim um encontro consonantal, ou seja, o encontro de dois SONS (eu disse SONS) consonantais lado a lado.



Dígrafos vocálicos - Grupos de vogais seguidas de M ou N, quando estas letras têm apenas a função de nasalizar vogais.



Vejam que, na palavra “cAMpo”, as letras AM correspondem a apenas um som... Não visualizou isso? Ou melhor, não ouviu? Note que não estamos pronunciando o som da consoante “m”, presente em “Maria”, “Mosca”, “Mulher”, etc. Estamos escutando apenas o som vocálico nasal /ã/. Ora, quando temos duas letrinhas (AM) correspondendo a um único som (Ã), ocorre um... dígrafo! É o que a gramática denomina de DÍGRAFOS VOCÁLICOS. Por que esse nome? Porque o som resultante é um som vocálico, ok?



 

DÍFONO - ocorrer quando 1(UMA) LETRA equivale a 2(DOIS) FONEMAS.


Há somente 1(um) dífono na Língua Portuguesa. É o X, quando correspondente ao som /k//s/, que vai funcionar como dífono. Somente ele! Por favor, não vamos confundir dígrafo com dífono, ok?

Exemplo


A palavra “FIXO”, nela há 4(quatro) letras e 5(cinco) fonemas, pois o “X” vale por dois sons.


 


Encontros consonantais - São as sequencias de consoantes numa mesma palavra, constituindo cada uma delas um fonema distinto ou seja, não forma dígrafos


prazo, sublime, claro (nas mesmas sílaba)

testa, subtotal (sílabas diferentes)

pneu, psicólogo(início da palavra)

fórceps (final da palavra)



 

Vamos fazer então um passo a passo para saber quantos fonemas e quantas letras tem uma palavra


Regra Geral: O número de letras é igual ao de fonemas.


  1. Pergunte se a palavra inicia com “H” iniciando a palavra= contabiliza-se 1(um) fonema a menos;

  2. Pergunte se a palavra possui dígrafos= contabiliza-se 1(um) fonema a menos para cada dígrafo presente;

  3. Pergunte se a palavra possui dífono (x = /k//s/)= contabiliza-se 1(um) fonema a mais para cada dífono presente


Vamos testar então..... Lembre que a nossa preocupação é somente os fonemas que podem aumentar ou diminuir, pois as letras são invariáveis.


Veja quantos fonemas e quantas letras têm as palavras

a) Exército b) Complexas c) Conexão D)Hortênsia


a) Partimos da ideia que letras=fonemas

Exército......8 letras e 8 fonemas

  1. Inicia com "H"? NÃO

  2. Possui dígrafos? NÃO

  3. Possui dífono? NÃO

São portanto 8 fonemas e 8 letras



b) Partimos da ideia que letras=fonemas

Complexas......9 letras e 9 fonemas

  1. Inicia com "H"? NÃO

  2. Possui dígrafos? SIM (Ver marcação em azul) -1 fonema

  3. Possui dífono? SIM ( Ver marcação em vermelho)+1 fonema

São portanto 9 fonemas e 9 letras


c)Partimos da ideia que letras=fonemas

Conexão....7 letras e 7 fonemas


  1. Inicia com "H"? NÃO

  2. Possui dígrafos? NÃO

  3. Possui dífono? SIM ( Ver marcação em vermelho)+1 fonema

São portanto 8 fonemas e 7 letras


d) Partimos da ideia que letras=fonemas

Hortênsia.....9 letras e 9 fonemas


  1. Inicia com "H"? SIM (Ver marcação em amarelo) -1 fonema

  2. Possui dígrafos? SIM (Ver marcação em azul) -1 fonema

  3. Possui dífono? NÃO

São portanto 7 fonemas e 9 letras



bottom of page